Pátio viabiliza R$ 6 mi para unidades de Saúde de Rondonópolis

Zé Carlos viabilizou repasses para a Saúde (Foto: Secom ALMT)

Zé Carlos viabilizou repasses para a Saúde (Foto: Secom ALMT)
Zé Carlos viabilizou repasses para a Saúde
(Foto: Arquivo)

O prefeito eleito de Rondonópolis, deputado estadual José Carlos Junqueira de Araújo, o Zé Carlos do Pátio (SD), viabilizou na semana passada junto ao secretário Estadual de Saúde, João Batista Pereira da Silva, o repasse de recursos da ordem de R$ 6 milhões para custeio de diversos serviços da Santa Casa de Misericórdia e Maternidade de Rondonópolis, da Associação Espírita Beneficente Paulo de Tarso e do Hospital Regional Irmã Elza Giovanella. O montante foi repassado à Prefeitura de Rondonópolis entre os dias 11 e 17 deste mês, no qual estão incluídas duas parcelas de R$ 1.042.500,00 beneficiando a Santa Casa.
Repasses
As parcelas eram devidas pelo Governo do Estado e são referentes aos meses de setembro e outubro. Segundo Zé Carlos, os recursos serão usados pela direção do unidade hospitalar, “para manter em pleno funcionamento os serviços de média e alta complexidade da unidade, como também os 21 leitos (11 adulto e 10 neonatal) de Unidades de Tratamento Intensivo (UTI’s)”, destacou.
Restante
Do restante dos recursos, R$ 1,5 milhão será usado para custear os serviços de média e alta complexidade do Município, em que R$ 219 mil serão destinados ao Hospital Paulo de Tarso, que têm aproximadamente 80 pacientes internos e realiza cerca de 210 atendimentos ambulatoriais por mês. Já R$ 3,8 milhões serão destinados ao Hospital Regional.
Por fim, Zé do Pátio explica que as três unidades de saúde são referência em atendimento médico no Estado e, por isso, atendem grande parte da população da cidade, além de pacientes de vários municípios localizados na região sul de Mato Grosso.
“Diante da importância desses hospitais, diversos pacientes de outros municípios viajam centenas de quilômetros em busca de um atendimento médico de qualidade. Por conta disso, é essencial que o Estado mantenha os repasses, para ajudar no custeio dessas unidades”, pontuou.
Com assessoria/Folhamax

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.