Bancos reduzem juros em linhas de crédito

Benefícios aos clientes (Foto: Internet)

Benefícios aos clientes
(Foto: Internet)

Afrouxando um pouco o laço em torno do pescoço dos brasileiros, bancos públicos e privados anunciaram ontem, a redução de taxas de juros em várias linhas de crédito para pessoas físicas e jurídicas.
Banco do Brasil
No Banco do Brasil, as reduções ocorreram na maior parte das linhas. Em cinco delas, o ajuste foi maior do que o impacto da redução da Selic, de acordo com a estratégia comercial do banco.
A maior redução, de 4 pontos percentuais, será no rotativo do cartão de crédito, já antecipando parte dos efeitos das medidas que serão implementadas em abril. No cheque especial, a redução foi de 0,09 ponto percentual ao mês.
Pessoa Jurídica
Em três linhas voltadas para pessoas jurídicas, a redução foi, em média, de 0,25 ponto percentual ao mês: desconto de cheques, antecipação de crédito a lojistas e desconto de títulos.
As novas condições nos empréstimos e financiamentos estarão disponíveis aos clientes, a partir da próxima segunda-feira (16).
Bradesco
No Bradesco, para os clientes pessoa física, dentre as linhas que tiveram redução, está a de Crédito Pessoal, cuja taxa mínima passou de 2,84% para 2,78% ao mês. Já a máxima foi reduzida de 7,78% para 7,72% ao mês. Na modalidade CDC Veículos, o juro mínimo foi cortado de 1,65% para 1,50% ao mês e o máximo, de 3,66% para 2,99% ao mês. A taxa máxima do Cheque Especial cobrada pelo Bradesco passou de 13,55% para 13,49% ao mês.
O banco cortou ainda taxas de linhas de financiamento para pessoa jurídica. Dentre elas, a de capital de giro para micro e pequenas empresas teve seu juro mínimo reduzido de 2,10% para 2,04% ao mês, e o máximo de 4,27% para 4,19% ao mês. Na modalidade CDC Veículos, a taxa mínima passou de 1,65% para 1,59% ao mês e máxima de 3,62% para 2,99% ao mês. A taxa mínima da Conta Garantida, limite pré-aprovado na conta para pessoa jurídica, passou de 4,24% para 3,98%.
O banco informou ainda, em nota, que todo o portfólio de cartões de crédito pessoa física e jurídica também terá redução das taxas de juros do rotativo em 6 pontos base.
A redução das taxas de juros da principais linhas de crédito do sistema bancário para pessoas físicas e jurídica, acontece após o Banco Central divulgar corte de 0,75 ponto porcentual na Selic, que passou de 13,75% para 13,00% ao ano.
Com Agência Brasil/Estadão

1 thought on “Bancos reduzem juros em linhas de crédito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.